Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

PAPA LETRAS

Os comentários de uma assumida leitora compulsiva.

Os comentários de uma assumida leitora compulsiva.

PAPA LETRAS

21
Nov17

AS AREIAS DO IMPERADOR, O BEBEDOR DE HORIZONTES, LIVRO TRÊS - MIA COUTO


Ana Mafalda Salvado

Final da trilogia em que se fala de Gungunhana, o capitão Mouzinho de Albuquerque, Aires de Ornelas, D. Carlos, Caldas Xavier e outros tantos que encheram e preencheram os livros de História. Outros tantos foram criados pelo Autor e com os diálogos o esquema foi exactamente o mesmo.

Por diversas vezes dei comigo a lamentar o que fizeram ao pobre régulo. Como diz a velha frase "Ai dos vencidos"!

Em certas circunstâncias, quando o ser humano é movido pela ignorância, ódio e preconceito, consegue ser do piorio a cometer horrores!

Ficou-me a vontade de adquirir mais obras deste Autor.

18
Nov17

JESUSALÉM - MIA COUTO


Ana Mafalda Salvado

Um pai déspota com os filhos e os demais, atormentado de dores, recordações e muitos remorsos, que vai progressivamente enlouquecendo, até se fechar no mais completo mutismo.

Inicialmente até queria que os filhos alinhassem e partilhassem os seus constantes desvarios.

Rude de linguagem e de gestos, apenas gostava de um, embora nunca o tivesse demonstrado com palavras e actos.

Dava-se ao luxo de alterar a seu belo prazer os nomes dos que o rodeavam e ai de quem o contestasse! Choviam palavrões e pancada!

A loucura maior tinha-a com a burra Jezebel, quando a cortejava como de uma mulher se tratasse, a pontos de lhe dar flores e copulava com ela como se fosse a coisa a mais natural do Mundo, tratando dela dela com um desvelo doentio.

O livro tem os dois extremos - a violência e a poesia. Veemência e doçura!

12
Nov17

PARA ONDE VÃO OS GUARDA CHUVAS - AFONSO CRUZ


Ana Mafalda Salvado

O título suscitou a minha curiosidade e sem hesitar muito fiz a minha aquisição.

Ao abri-lo e ao fim de poucas páginas, deixei-me rapidamente envolver pelas personagens, a teia de tramas e a forma de narração, que em certos excertos mais me parecia estar a ler um poema em prosa. É composto pelos muitos ingredientes que formam a vida e as relações entre os seres humanos de comportamentos e personalidades tão díspares.

Ao fim de 400 e tal páginas levantou-se um pouco o véu e é feita a explicação do título que inicialmente me "chamou".

Além de tudo o mais, o livro tem mais duas mais-valias - as fotos feitas pelo Autor e o apêndice dos "Fragmentos persas" da autoria dum anónimo que viveu no século I depois da Hégira, os quais foram recolhidos por um tal de Théophile Morel.

Tudo me leva a crer que me vai ficar na memória por bastante tempo.

07
Nov17

OS DESAPARECIDOS - DANIEL MENDELSOHN


Ana Mafalda Salvado

Nasceu este livro duma pesquisa exaustiva, em que o Autor tentou encontrar alguns membros da família que viveram no período conturbado da Segunda Guerra Mundial, durante o famigerado Holocausto em que muitos pereceram no meio desses 6 milhões.

Comoventes algumas das fotografias, que têm no verso certos comentários.

Inúmeras vezes o Autor teve a ajuda do irmão, que muitas vezes gravou e fotografou as entrevistas feitas em muitas partes do Mundo. Conseguiu até fazer uma bem completa árvore genealógica.

Alguns excertos foram lidos com lupa, pois mesmo com óculos, este livro tem um corpo de letra terrívelmente miudinho.

Valeu a compra sem a menor das dúvidas.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D